sexta-feira, agosto 28, 2009

E pronto... The end. Finito. Acabou-se o slow motion, o come e dorme, o elogio á preguiça. Esta 5ª feira teve mesmo de ser. E perguntam-me vocês "Porque começas a trabalhar numa quinta-feira?" Simples meus caros, muito simples. Porque a seguir é 6ª feira e acreditem, custa bem menos começar se sentirmos um fim de semana á porta. É psicologico, é. Mas estas coisas da psicologia são vitais e há técnicas que se vão aprendendo para contornar tempos de crise. Este é um deles.
Aqui o Tico e o Teco precisaram de uma manhã inteira para sincronizar ideias, alinhar energias e aquecer o motor de arranque. Dei por mim a olhar para um pc onde sequencialmente iam caindo emails e mais emails, para juntar aos já 98 pendentes de resposta (imaginem se não fosse responder a alguns durante as ferias...). Imaginei um balão em cima da minha cabeça com um simples "Ãh?!"

E de maneiras que é assim. Depois sacode-se a areia que teimamos em não querer largar e é tempo de trocar os chinelos de dedo pelo sapatinho formal, o biquini pelo tailleur e o freesbie pela agenda.

Ai, como dói!

3 comentários:

Maria disse...

Bom regresso :)

Menos disse...

Pensava que tinha de ir comprar língua de vaca p saber novas tuas... E por falar nelas [as línguas, claro] vê se te juntas ao mulherio no próximo jantar. Diz que vai ter surpresas várias e a presença de uma ilustre forasteira. Não te faças de difícil, que eu sei que não és!
E já agora... É muita lata difamar-me na minha própria e-casa!!

Susy disse...

se dói... :(